EDUCAÇÃO AMBIENTAL – CS HABITOVAR

A 10 de Agosto de 2016, quarta-feira, os Amigos do Cáster estiveram no Centro Social da Habitovar (CSH) para envolver as crianças do ATL de férias de verão na causa ambiental.

Neste dia os Amigos do Cáster promoveram as relações favoráveis entre a agricultura biológica e determinados agentes faunísticos, e daqui, partiram para a construção de alguns equipamentos que favorecem a proliferação da fauna. Foi o caso da construção dos abrigos para morcegos e comedouros para aves.
Este grupo também se divertiu com a caça ao “tesouro” na área natural em torno do CSH.

LIMPEZA DUNAS ESMORIZ

Acção Ambiental na Praia de Esmoriz
Resultado: Recolha de 1420 kg de chorão-das-praias (espécie exótica invasora)
Este fim-de-semana estivemos com a SPEA – Sociedade Portuguesa para o Estudo das Aves, a Unidade de Vida Selvagem – Wildlife Research Unit e a Associação BioLiving em Esmoriz e Paramos, no âmbito do projecto Cidadania pela Natureza, numa acção de voluntariado para a protecção das dunas através da recolha de lixo e remoção de chorão-das-praias (espécie exótica invasora).

Fotografias de Magda Moreira

MONITORIZAÇÃO AMBIENTAL – RIOS

Sessão 5 de Monitorização e Sensibilização Ambiental – 06/Jun/2016

Durante a celebração do encerramento do ano lectivo 2015/2016, os alunos e professores prepararam uma apresentação e cantaram uma canção que evocava a sua participação no Projecto de Monitorização Ambiental – Rios (PMA-R) dinamizado pelos Amigos do Cáster e a ASPEA, o qual, permitiu que estes alunos pudessem usufruir do Rio Negro, linha de água da freguesia de Válega, como se fosse um laboratório natural durante as suas saídas de campo.
Nós, Amigos do Cáster, estamos certos que esta, terá sido uma experiência que estas crianças não esquecerão, registando a sua emoção pelo carinho dado à nossa associação tanto pelos alunos, como pelos professores e auxiliares. Até uma próxima ocasião e muito obrigado.

/p>

/p>

/p>

ECO-PASSEIO

Eco-Passeio Barrinha de Esmoriz – Paramos
Barrinha de Esmoriz – Castro de Ovil

O Dia Mundial do Ambiente é celebrado no dia 5 de Junho e foi criado pela Assembleia Geral das Nações Unidas. Os Amigos do Cáster associaram-se a esta efeméride através da organização do seu “Eco-Passeio Barrinha de Esmoriz – Paramos”.

Para esta iniciativa os Amigos do Cáster contaram com a colaboração do Prof. Rubim Almeida da Botânico da Faculdade de Ciências da Universidade do Porto e do investigador da Universidade de Aveiro Eduardo Ferreira, ambos profundos conhecedores dos locais visitados, emanando avultada quantidade de informação, primada por qualidade.

Além do seu valor didáctico, este evento foi um excelente motivo para confraternização e para a actividade física ao ar livre. Também foi uma excelente oportunidade para a recolha de imagens de um dos pontos mais importantes no que respeita à conservação da natureza do concelho de Ovar, a Barrinha de Esmoriz.

Resta aos Amigos do Cáster agradecer a tenacidade evidenciada pelos participantes deste passeio, pois foram percorridos mais de 25km a pedalar. A todos Bem Hajam.

MARCHA AZUL

9.ª Marcha pela Água promoveu as fontes de Ovar e sensibilizou para a necessidade de preservar os recursos naturais

O Ecoclube Júlio Dinis e a Associação Juvenil Amigos do Cáster dinamizaram, este Sábado, a “IX Marcha pela Água – Marcha Azul – Percurso Cultural e Ambiental pelas Fontes de Ovar”.

Sob o lema “cada um é uma gota, juntos formamos corrente”, os cerca de 30 participantes nesta actividade percorreram as fontes de Ovar (Fonte Júlio Dinis, Fonte dos Combatentes, Fonte da Arruela, Fonte das Luzes, Fonte dos Pelames, Fonte da Mota e Fonte da Vila), com o objectivo de promover este importante património histórico e cultural da Cidade, bem como de sensibilizar para a necessidade de preservar a água enquanto bem escasso e indispensável à vida, de acordo com o preconizado na Declaração Universal dos Direitos da Água.

Durante o percurso foram efectuadas actividades de geocaching em cada uma das fontes, com a atribuição de prémios às equipas vencedoras.
Realce-se que este percurso cultural e ambiental tem-se realizado, anualmente e de forma ininterrupta desde a sua primeira edição, em 2008.

1ª MARATONA FOTOGRÁFICA

Entrega de Prémios | Inauguração da exposição fotográfica | Concerto Phrontline Combo

Categoria A – 1ºClassificado – “Património Histórico”
Miguel Lopes de Oliveira de Azeméis

Categoria A – 2º Classificado – “Azulejo”
João Pedro Coutinho de Ovar

Categoria A – 3º Classificado – “Gentes de Ovar”
Inês Valente de Avanca, Estarreja

Categoria B – 1ºClassificado – Cor Vermelha
Maria Coutinho de Ovar

A 1ª Maratona Fotográfica Amigos do Cáster teve por principal objectivo promover um convívio entre entusiastas da fotografia. A nossa maratona promoveu a captura de imagens que mostrem o que de melhor tem a cidade de Ovar.
Como previsto este evento decorreu no sábado, 7 de Maio levando os participantes a percorrer vários recantos da cidade de Ovar.

A 15 de Maio, no Museu Júlio Dinis, divulgaram-se os premiados e foram atribuídos os prémios aos melhores classificados encerrando a cerimónia com o concerto dos Phrontline Combo e com um Porto de Honra.
Os resultados da 1ª Maratona Fotográfica foram os seguintes:

Categoria A
1ºClassificado – “Património Histórico”, Miguel Lopes de Oliveira de Azeméis
2º Classificado – “Azulejo”, João Pedro Coutinho de Ovar
3º Classificado – “Gentes de Ovar”, Inês Valente de Avanca, Estarreja

Categoria B
1ºClassificado – Cor Vermelha, Maria Coutinho de Ovar

MONITORIZAÇÃO AMBIENTAL – RIOS

Sessão 4 de Monitorização e Sensibilização Ambiental – 13/Mai/2016

Em Dezembro de 2015 os Amigos do Cáster, estiveram no Centro Escolar da Regedoura (CER), em Válega, (ver nesta ligação) para envolver alunos e docentes no Projecto de Monitorização Ambiental – Rios (PMA-R).
O (PMA-R) dinamizado pelos Amigos do Cáster e a ASPEA permitiu que os alunos pudessem usufruir do Rio Negro, linha de água da freguesia de Válega, como se fosse um laboratório natural durante as suas saídas de campo. Assim, os grupos que fizeram parte deste projecto Rios tivessem a possibilidade de tocar e ver a realidade deste rio.
Desta forma, a comunidade do CER, “adoptaram” 500 metros de linha de água do rio Negro, próximo à sua escola, analisando as várias temáticas associadas como a fauna, flora, e ainda algumas de índole cultural.

Esta actividade foi estruturada da seguinte forma:

Momento 1: Apresentação do Projecto na Escola. Acções de Sensibilização. Pedido de envolvimento das escolas no projecto (Dez/2015)
Momento 2: Execução da sessão nº1 de Monitorização e Sensibilização Ambiental (21/Abr/2016);
Momento 2: Execução da sessão nº2 de Monitorização e Sensibilização Ambiental (29/Abr/2016);
Momento 3: Execução da sessão nº3 de Monitorização e Sensibilização Ambiental (06/Mai/2016);
Momento 4: Execução da sessão nº4 de Monitorização e Sensibilização Ambiental (13/Mai/2016);
Momento 5: Apresentação dos resultados da várias sessões de Monitorização e Sensibilização Ambiental, através de um momento musical (09/Jun/2016).

MONITORIZAÇÃO AMBIENTAL – RIOS

Sessão 3 de Monitorização e Sensibilização Ambiental – 06/Mai/2016

Em Dezembro de 2015 os Amigos do Cáster, estiveram no Centro Escolar da Regedoura (CER), em Válega, (ver nesta ligação) para envolver alunos e docentes no Projecto de Monitorização Ambiental – Rios (PMA-R).
O (PMA-R) dinamizado pelos Amigos do Cáster e a ASPEA permitiu que os alunos pudessem usufruir do Rio Negro, linha de água da freguesia de Válega, como se fosse um laboratório natural durante as suas saídas de campo. Assim, os grupos que fizeram parte deste projecto Rios tivessem a possibilidade de tocar e ver a realidade deste rio.
Desta forma, a comunidade do CER, “adoptaram” 500 metros de linha de água do rio Negro, próximo à sua escola, analisando as várias temáticas associadas como a fauna, flora, e ainda algumas de índole cultural.

Esta actividade foi estruturada da seguinte forma:

Momento 1: Apresentação do Projecto na Escola. Acções de Sensibilização. Pedido de envolvimento das escolas no projecto (Dez/2015)
Momento 2: Execução da sessão nº1 de Monitorização e Sensibilização Ambiental (21/Abr/2016);
Momento 2: Execução da sessão nº2 de Monitorização e Sensibilização Ambiental (29/Abr/2016);
Momento 3: Execução da sessão nº3 de Monitorização e Sensibilização Ambiental (06/Mai/2016);
Momento 4: Execução da sessão nº4 de Monitorização e Sensibilização Ambiental (13/Mai/2016);
Momento 5: Apresentação dos resultados da várias sessões de Monitorização e Sensibilização Ambiental, através de um momento musical (09/Jun/2016).